Evento realizado em São Paulo apresentou novo método para a Recuperação Tributária

Promovido pela Insight Trade, Sincopeças-SP, RDG Sociedade de Advogados e Arte Fiscal Contabilidade, Fórum contou com especialistas que apresentaram uma metodologia mais ágil e eficaz.

 

Como uma maneira de levar a profissionais de diversos segmentos um rico conteúdo sobre a carga tributária brasileira, a Insight Trade, em parceria com as empresas RDG Sociedade de Advogados e Arte fiscal, realizaram um Fórum onde foi abordado as novas diretrizes da CAT 42/2018. Por sua complexidade, as companhias podem não se dar conta de um possível recolhimento excessivo ou incorreto dos tributos, o que afeta consideravelmente sua receita. Foi a partir desta análise que a Insight Trade levou especialistas que apresentaram um modelo mais eficiente para a recuperação de tributos.

 

O Fórum “Recuperação Tributária – como ganhar com a nova CAT 42/2018?”, que aconteceu no último dia 29 de janeiro em São Paulo, levou para os participantes o processo de recuperação tributária como assunto principal, uma vez que 80% das empresas que realizam o estudo, possuem crédito na recuperação de valores pagos incorretamente em tributos. O evento contou com a presença de profissionais da RDG Sociedade de Advogados e Arte Fiscal Contabilidade, que apresentaram sistema com metodologia rápida e exclusiva, em conformidade com a nova CAT 42/2018 e sem custos iniciais, que conta com um software dedicado para o levantamento tributário completo com mais agilidade, para efetivar a recuperação fiscal em até 90 dias e não em mais de 12 meses, como era realizado nos processos convencionais.

O Fórum “Recuperação Tributária – como ganhar com a nova CAT 42/2018?” contou com a presença de representantes de diversos setores do Estado de São Paulo e foi uma grande oportunidade para as empresas entenderem como a carga tributária funciona no Brasil e como é possível realizar a recuperação tributária de uma forma mais eficaz e rápida. Com o sucesso do primeiro evento, a Insight Trade, junto do Sincopeças-SP e das empresas parceiras, preveem novas edições para atualização do tema e outras questões relacionadas.